Uma pessoa pode testar negativo e, posteriormente, testar positivo para a COVID-19?

Por ser um vírus muito recente, o Sars-Cov-2 é cercado de perguntas com respostas ainda não muito claras para a comunidade científica.

Um dos questionamentos mais debatidos nas últimas semanas é se uma pessoa que foi infectada e se curou pode adquirir o vírus novamente e voltar a testar positivo.

Quando o histórico de doenças similares à Covid-19 é comparado, pode se observar que segundas infecções não são esperadas. Porém, ainda é muito cedo para uma confirmação como essa.

No mundo, existem relatos de pacientes que voltaram a testar positivo depois de estarem curados da doença, mas para os órgãos de saúde das nações com esse tipo de ocorrência, é provável que esses casos foram provocados por exames imprecisos, com resultados de falso negativo ou até mesmo por fragmentos do vírus morto, que podem ficar no corpo por mais tempo.